Fellows Instituto Four

Joao Dantas



“Quero tornar as Forças Armadas uma referência nas áreas de
pesquisa aplicada, com a criação de novas tecnologias
que garantam a soberania e o desenvolvimento do
nosso país."

João, natural de Fortaleza - CE, é o tipo de pessoa que deveria ter por nome a palavra foco e, por sobrenome, determinação. Em tudo o que faz, ele sempre coloca toda sua vontade até o fim. Muitas crianças passam pela situação de começar seus estudos em colégios particulares e, com o tempo e as dificuldades que aparecem no caminho, precisam deixar esse privilégio. Esse seria o caso de João, não fosse o desejo de continuar a ter estudo de qualidade e o protagonismo de ir atrás do que precisava para continuar lá. De 2004 a 2006, ele cursou com bolsa integral seu Ensino Médio inteiro nas turmas especiais do Colégio Farias Brito em Fortaleza, após destaque no concurso de admissão.



Em 2006, terminado o ensino médio e com o sonho de se tornar um piloto militar, foi aprovado no concurso da Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAr), na cidade de Barbacena - MG. Dantas, como passou a ser chamado, iniciou sua carreira militar em 2007 na Força Aérea Brasileira como Aluno na EPCAr, onde também foi Monitor de Química no Corpo de Alunos e atleta da Equipe de Basquete da Escola. Em 2008, iniciou o Curso de Formação de Oficiais Aviadores e Administração Pública na Academia da Força Aérea (AFA). Em 2009, seguia estudando de forma muito aplicada e realizando os voos de instrução até o momento em que teve que aprender a fazer acrobacias aéreas. Seu corpo não correspondia ao seu desejo; reclamou dos voos, respondendo cada acrobacia com um incômodo, um enjoo, uma dor. Aos poucos, ele foi perdendo o interesse por voar, já que isso não dependia do esforço dele; era seu corpo que não permitia. Perdeu muito peso, acabou sendo desligado. Foi um baque enorme para alguém tão determinado. Ele se sentiu muito mal por ter que voltar para casa, sem ter concluído o curso na AFA.



O choro durou poucas noites. Passou a estudar, nas palavras dele, dia e noite para passar no vestibular do Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA). Conseguiu assim os louros por seu esforço: no dia 30 de dezembro de 2010 recebeu a ligação de aprovação no ITA! Em 2011, recém ingresso no Instituto em São José dos Campos - SP, tornou-se Aluno do Centro de Preparação de Oficiais da Reserva (CPOR) onde concluiu como 1º colocado no curso, foi o orador e considerado por todos os instrutores o destaque militar da turma. Ainda naquele ano, durante a graduação, foi gerente de vendas corporativas na AIESEC Vale do Paraíba e professor voluntário no CASDVest, um curso pré-vestibular para alunos de baixa renda. Além disso, trabalhou com pesquisa nos primeiros anos da graduação como bolsista pelo CNPq no ITA na área de plasmas e materiais. Em 2013, terceiro ano do curso, momento em que os estudantes precisavam optar por seguir os estudos, preparando-se para a carreira civil ou militar, ele optou pela carreira militar, como Aspirante a Oficial, atuando como engenheiro, não mais como aviador. Em 2014 e 2015, fez graduação-sanduíche na State University of New York, em Stony Brook - NY, nos EUA, e concluiu o intercâmbio com um estágio em pesquisa no Departamento de Engenharia Mecânica da universidade. Ao final de 2015, já no Brasil, concluiu sua graduação em Engenharia Mecânica-Aeronáutica e seguiu a carreira militar trabalhando com pesquisa no Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) em São José dos Campos.



Em 2016, entrou para a 1ª turma do ProLíder, e foi Co-Fundador da Emerge, uma iniciativa que nasceu para fomentar e fortalecer a inovação tecnológica orientada para o mercado no Brasil, mapeando e conectando jovens inovadores, oferecendo treinamento, investindo nas soluções mais promissoras para o mercado e contribuindo para a comunidade científica brasileira. Trabalhou na iniciativa até o final de 2017, porém a iniciativa continua existindo até hoje.



Há quase 4 anos é Professor e Coordenador de Olimpíadas Científicas no Colégio COC São José dos Campos e embaixador no Brasil da International Youth Math Challenge (IYMC) e da International Astronomy and Astrophysics Competition (IAAC). Desde 2017, seus alunos já conquistaram mais de 100 medalhas e menções honrosas em participações em olimpíadas científicas nacionais e internacionais.



Desde 2018, é Mestre em Ciências também pelo ITA na área de Inteligência Artificial e, atualmente, continua sua pesquisa como doutorando nesse mesmo Instituto. Além disso, como Oficial da Aeronáutica, atualmente o 1º Tenente Dantas trabalha como pesquisador no Instituto de Estudos Avançados (IEAv) desenvolvendo Inteligência Artificial para simulação de cenários operacionais de interesse da Força Aérea Brasileira.